Linha Livre com Geraldo Castro | Arquivo por “Caixeiros” – Quadrilha
Sábado, 31 de outubro de 2020.

SSP desarticula quadrilhas de ‘caixeiros’ que agiam em dois estados do Nordeste

Foto 1 - SSP desarticula quadrilhaDuas ações policiais resultaram na desarticulação de mais duas quadrilhas especializadas em arrombar caixas eletrônicos. Um das quadrilhas, segundo a polícia, agia nos estados do Maranhão e do Piauí. Na outra ação, um integrante do segundo grupo foi detido no momento em que tentava arrombar os caixas eletrônicos  do Bradesco e de um Terminal de Auto Atendimento 24h. Com mais estas prisões efetuadas por policiais da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) e do 6º Batalhão da Polícia Militar, o Maranhão reduziu 59% desse tipo de ocorrência no primeiro semestre desse ano em relação ao mesmo período do ano passado.

 

Os dois bandos foram apresentados pelo secretário de Segurança, Aluisio Mendes, durante entrevista coletiva concedida à imprensa, na tarde desta segunda-feira (5), na sede do órgão. Presentes ainda, o secretário-adjunto de Inteligência e Assuntos Estratégicos, Laercio Costa; o comandante geral da Polícia Militar, coronel Franklin Pacheco; a delegada geral de Polícia Civil, Maria Cristina Resende; e os delegados Augusto Barros e Luis Jorge, superintendente Estadual de Investigações Criminais e titular do Departamento de Combate a Instituições Financeiras (Dcrif) da Seic, respectivamente.

 

Foram detidos pela Seic, em Imperatriz, Sebastião Fernandes de Oliveira, conhecido como  Tião ou Teo, 38 anos, natural de Campo Maior (PI). Ele já responde por homicídios e por assaltos. Estão presos, também, o maranhense Antonio José Nunes Furtado, o Dedé ou Castanhal, 39, natural de Arari, que havia sido beneficiado pelo indulto natalino e não retornou a Penitenciária de Pedrinhas, e, ainda, José Rodrigues, conhecido como  Pará, 31, natural de Rondon (PA). Na lista criminal de Pará constam mandados de prisão em abertos nas cidades de Belém, Paragominas e Castanhal pelos crimes de corrupção ativa e assaltos a bancos.

 

Foto 3 - SSP desarticula quadrilha“Aumentamos de maneira significativa o número de prisões e de ocorrência em todo o Estado. Há menos de um mês prendemos dois criminosos que atuavam de maneira diferenciada em todo o país e tiveram sua ‘carreira’ finalizada aqui no Maranhão. Isso  é prova de um trabalho integrado entre as Polícias Civil e Militar e um investimento maciço na inteligência policial”, pontou Aluisio Mendes, comentando, ainda, que o destino de criminosos que escolhem o Maranhão para agir será a Penitenciária de Pedrinhas.

O trio foi detido após cometer um assalto na cidade de Capitão Campos, no Piauí. Durante a ação policial foram recuperados  a quantia de R$ 56.680. Segundo a delegada geral, Maria Cristina, foi comprovado que o trio tenha feito assaltos, nos últimos dois meses, nas cidades  maranhenses de  Senador La Rocque, Buriti Bravo e Gonçalves Dias. Ela explicou, ainda, que as investigações vão continuar a fim de identificar outras cidades em que o bando tenha cometido o mesmo crime.

 

Monitoramento

Segundo as investigações, o trio,  no dia 1ª de agosto, cometeu assalto no estado do Piauí. A polícia, de acordo com o delegado Luis Jorge, já vinha monitorando o bando. “Estávamos no encalço do bando há vários dias, pois já sabíamos que eles tinham cometido três assaltos no Piauí e no Maranhão. A partir disso, assim que o bando cometeu o assalto em Capitão Campos e retornaram para o Maranhão efetuamos as prisões”, detalhou o titular da Dcrif.

Já o superintendente Estadual de Investigações Criminais, delegado Augusto Barros, explicou que durante o inquérito policial, os investigadores acompanham toda a movimentação do bando e buscam identificar o grupo e montar o perfil dos criminosos e com isso chegar, finalmente, ao esconderijo de cada quadrilha.

 

Segunda quadrilha

Já na ação deflagrada pelo militares do 6º BPM foi detido Arianderson Mendonça Santos, 24 anos, no momento em tentava arrombar os caixas eletrônicos de um supermercado na Avenida Guajajaras, em São Luís. Dois integrantes conseguiram empreender fuga ao perceber a presença da polícia. Com o criminoso, a polícia  apreendeu dois cilindros de gás, um bico de maçarico e uma marreta.

O comandante geral da PMMA, coronel Franklin Pacheco, explicou que a ação rápida da polícia contribuiu para prender o criminoso. “Estamos executando um novo tipo de policiamento que tem sido deflagrado nas proximidades das agências bancárias, o  que tem resultado no pronto atendimento da polícia Militar em vários tipos de ocorrências”, frisou o comandante

sem comentário »