Linha Livre com Geraldo Castro | Mais de cinco mil procedimentos de saúde no governo itinerante
Domingo, 27 de setembro de 2020.

Mais de cinco mil procedimentos de saúde no governo itinerante

Foto 4 - SES - ações da saúde São Bernardo foto Nestor Bezerra (1)Mais de cinco mil procedimentos foram prestados esta semana pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nos municípios de Araioses, Brejo, Santana do Maranhão, Magalhães de Almeida e São Bernardo – durante a passagem do Governo Itinerante na Região do Baixo Parnaíba. Ações de vigilância epidemiológica (vacinação), assistência em clínica médica, pediatria, exames preventivo do câncer ginecológico, glicemia, colesterol total e PSA (próstata), pesagem e verificação de pressão arterial foram realizadas na terça (10) e quarta-feira (11) nos cinco municípios.

Os atendimentos em Araioses foram concentrados na Maternidade Nossa Senhora da Conceição, onde todos os pacientes foram pesados e os adultos passaram pela verificação de pressão arterial. Foram atendidas 183 pessoas pelo clínico geral e 52 na pediatria. No total, 216 fizeram os exames laboratoriais de glicemia e colesterol; 85 homens fizeram o PSA; 79 mulheres o preventivo de câncer ginecológico; e 78 crianças tiveram suas cadernetas de vacinação atualizadas.

A aposentada Francisca Silva de Souza, 57 anos, moradora do bairro Nova Conceição, em Araioses, fez os exames laboratoriais e constatou que estava com a glicemia e o colesterol bastante alterados. “Pretendo agora iniciar uma dieta, fazer caminhadas e tomar a medicação”, disse ela. A médica Dulcimar Oliveira – que integra a equipe da SES no Governo Itinerante – disse que muitas pessoas apresentaram alterações nos índices de glicemia ou colesterol. “Isto é resultado de uma má alimentação, com grande ingestão de arroz, amido e doces”, ponderou.

O pescador Antonio Tomé de Freitas, 58 anos, do povoado Capoeira, fez os exames de glicemia, colesterol e da próstata. “Aqui é muito difícil. Temos que viajar para Parnaíba, que fica há mais de 70 quilômetros, para fazer particular e nem sempre temos o dinheiro. Esta é a primeira vez que faço o da próstata”, disse. Os atendimentos também beneficiaram pessoas dos povoados Santa Rosa, Jatobá, Água Fria, João Perez, Ilhas Goiabal e da Manga.

Foto 14 - SES - ações da saúde Araioses foto Nestor Bezerra  No município de Brejo foram realizados 229 atendimentos de clínica médica e 74 de pediatria. Destes, 34 mulheres fizeram o preventivo; 69 homens, o da próstata e 216 de glicemia e colesterol. Do total, 281pessoas passaram pela triagem de verificação de pressão e peso. A agente comunitária de saúde Maria da Graça Alves da Rocha, 48 anos, do povoado Pacuti, foi fazer os exames de glicemia e colesterol. “Avisei às pessoas da minha comunidade para trazer as crianças para consultar com pediatra e os adultos para fazer preventivos e exames laboratoriais”, disse.

Natalie Vanessa Tavares da Silva, moradora do povoado Zé Gomes, levou o pequeno Guilherme Gabriel de Araújo (3 anos) para consultar com a pediatra. Gripado há mais de três semanas, estava sendo automedicado pela mãe. “Aqui não temos pediatra e fiquei dando xaropes e remédios caseiros”. Muitas pessoas dos povoados Centro dos Abreus, Igaípe, Areias, Olaria, Riacho do Meio, Mansinho e Olho d’Água também foram atendidas.

Em Magalhães de Almeida foram contabilizados 198 atendimentos de clínico geral e 146 de pediatria. Também foram realizados 80 exames laboratoriais de próstata e 108 kits de colesterol e glicemia, além de 60 que se submeteram ao preventivo de câncer ginecológico. Pela triagem de peso passaram 351 pessoas e 203 tiveram a pressão arterial aferida.

O pedreiro Nivaldo Rocha dos Santos, 38 anos, foi fazer os exames laboratoriais de PSA, glicemia e colesterol. “Estou com alguns problemas de saúde e aproveitei para fazer os exames e consultar. Não sabia que existia este exame de sangue da próstata e vou logo fazer”. A comerciária Rosenira Araújo Silva, 31 anos, fez o preventivo ginecológico e os laboratoriais de glicemia e colesterol. “Sou casada e acho importante fazer o preventivo anualmente”, diz.

Inauguração de hospital

No município de Santana do Maranhão, os atendimentos foram concentrados no novo hospital de 20 leitos. Foram atendidas 144 pessoas pelo clínico geral e 28 na pediatria; 156 fizeram os exames laboratoriais de glicemia e colesterol; 42 homens o PSA, 66 mulheres o preventivo de câncer ginecológico e 13 crianças tiveram suas cadernetas de vacinação atualizadas.

A dona de casa Roseane Féliz da Silva, do povoado Vereda I, levou o pequeno Alan Silva Santos, de seis meses, para atualizar a carteira de vacinação. “Sei da importância da vacina para prevenir doenças”, justificou. A lavradora Francinete da Silva Nascimento, 49 anos, fez os exames laboratoriais e descobriu que estava com alta taxa de açúcar no sangue. “Sinto tonturas e muitas dores nas pernas e nunca tinha consultado. Fiz os exames e agora vou mostrar ao médico e seguir o que ele recomendar”, informou.

No Hospital Municipal Felipe Jorge, foram concentradas as ações de saúde em São Bernardo. Foram 223 atendimentos de clínica médica e 146 de pediatria. Os exames laboratoriais de glicemia e colesterol foram 161, próstata 62 e 63 preventivos. Trinta e seis doses de vacinas aplicadas e 561 pessoas passaram pela triagem (peso e pressão arterial).

A pediatra Marlene Reis de Souza disse que a maioria das crianças apresentou alergias respiratórias e distúrbios nutricionais. “No primeiro dia cheguei a receber uma criança com diabetes, e logo foi feito o encaminhamento para buscar tratamento em São Luís por meio do Tratamento Fora de Domicílio (TFD). Os pais precisam ter cuidado com a quantidade de doces, frituras e industrializados consumidos pelas crianças”, alerta.

 

Sem comentário para "Mais de cinco mil procedimentos de saúde no governo itinerante"


deixe seu comentário