Linha Livre com Geraldo Castro | Saúde define ações de combate a Hepatite e a Raiva
Quarta-feira, 30 de setembro de 2020.

Saúde define ações de combate a Hepatite e a Raiva

977_mediaA Prefeitura de São José de Ribamar, através da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), definiu uma série de ações que serão desenvolvidas ao longo deste ano com o objetivo de proteger os ribamarenses contra a Hepatite (doença caracterizada pela inflamação do fígado, geralmente causada por vírus, uso de álcool  drogas e alguns medicamentos) e a Raiva (zoonose transmitida ao homem por vírus presente na saliva de animais infectados e que ataca o sistema nervoso central causando uma encefalite aguda e mortal).
O plano de combate as duas doenças, apresentado recentemente pela equipe da SEMUS, determina ações diversas – tais como campanhas municipais de vacinação; capacitações dos profissionais da saúde e de representantes de vários segmentos da sociedade ribamarense; promoção de atividades educativas nas unidades da rede municipal de ensino; dentre outras – que serão executadas obedecendo cronograma de trabalho estabelecido.
“Nossa meta, além de capacitar e conscientizar, é cumprir rigorosamente nosso calendário de trabalho e atingir 100% de vacinação”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Rodrigo Valente.
As atividades terão início este mês com a capacitação de Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Endemias em “Sinais e Sintomas da Hepatite”. Profissionais liberais do município, como são os casos de cabeleiras e manicures, também participarão deste curso.
Já no combate a Raiva, a prefeitura ribamarense realizará a primeira campanha municipal de vacinação anti-rábica (para cães e gatos) deste ano.  A vacinação é a única forma de prevenir que o animal venha desenvolver a raiva e transmiti-la ao homem. A raiva é uma doença fatal ao ser humano. É importante que a população ribamarense saiba que deve evitar deixar seu animal solto nas ruas e que, em caso de mordida de cachorro ou gato, procurar imediatamente uma Unidade de Saúde mais próxima, onde será avaliado, orientado, e de acordo com o caso, vacinado ou não.
Também é importante ressaltar que as doses da vacina contra a Hepatite estão disponíveis gratuitamente em todas as unidades de saúde de São José de Ribamar. A doença impede que o fígado realize as funções essenciais para o organismo como digestão de gorduras, produção de certas proteínas e neutralização de substâncias tóxicas.
O contágio varia de acordo com o tipo de vírus (A, B, C, D e E) e a forma de transmissão (fecal-oral – em alimentos contaminados – e sanguínea e sexual).  Os sinais e sintomas mais comuns das hepatites A e E são: pele e olhos amarelados, fezes esbranquiçadas, urina escura, dor de barriga, mal estar, falta de apetite, cansaço, dor de cabeça, vômitos, logo permitem breve diagnóstico (por meio de exame de sangue específico) por serem sintomáticas, mas outras, como a hepatite B ou C são assintomáticas. Essas, geralmente, quando descobertas, já estão em estágio avançado e podem comprometer o fígado (cirrose, câncer), mas, se diagnosticadas a tempo, são tratáveis e o paciente pode seguir normalmente a rotina de trabalho, esporte e lazer.

Sem comentário para "Saúde define ações de combate a Hepatite e a Raiva"


deixe seu comentário