São José de Ribamar ganhará campus do IFMA

O município de São José de Ribamar será contemplado com uma unidade do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA).
A formalização do acordo para implantação de um campus do IFMA na cidade aconteceu nesta segunda-feira (24), durante reunião entre o prefeito Gil Cutrim (PMDB) e o reitor da instituição pública de ensino, José Ferreira Costa.
Na oportunidade, Gil Cutrim assinou documento se comprometendo em doar ao Governo Federal um terreno (pertencente ao município e provavelmente localizado na região da Sede do município) onde será construído o campus do IFMA de São José de Ribamar.
“São José de Ribamar é um dos municípios maranhenses, cuja economia, é uma das que mais cresce no Estado. Algumas empresas já se instalaram na cidade e muitas outras, com o advento do Distrito Industrial, irão se instalar nos próximos anos. Precisamos preparar a mão-de-obra local, a nossa juventude, para ocupar as milhares de novas vagas de emprego que serão geradas. Diante deste quadro promissor, nossa administração não medirá esforços para apoiar o Governo Federal no que for preciso no sentindo de implantar uma unidade do IFMA no território ribamarense”, afirmou Gil Cutrim, que participou da reunião, realizada na Reitoria do IFMA, no Monte Castelo, acompanhado dos secretários municipais Eudes Sampaio (Receita e Patrimônio Público Imobiliário), Rodrigo Valente (Planejamento, Administração e Finanças), Carla Veras (Educação) e Joana Marques (adjunta de Educação).
José Ferreira Costa explicou que a idéia é iniciar a construção do campus de São José de Ribamar no próximo ano, uma vez que o Governo Federal já dispõe de aproximadamente R$ 3 milhões, de um total de R$ 7 milhões que serão investidos na obra da nova unidade.
Ele adiantou que o IFMA ribamarense terá capacidade para atender 1.200 alunos em três modalidades de cursos: básico (voltado para o aperfeiçoamento de mão-de-obra em áreas como solda elétrica e mestre de obras, por exemplo, que não exigem grau de escolaridade elevado, cuja carga hora será de no máximo 160 horas); formação inicial continuada (para quem cursou até o oitavo ano do Ensino Fundamental, com duração de dois a três anos. Ao final do curso o aluno sairá como técnico e estará habilitado a prosseguir com os estudos, visto que, os conteúdos dos cursos técnicos são integrados à grade curricular do Ensino Médio convencional); nível superior (nas áreas de  engenharia e licenciatura em ciências exatas — matemática, física e química).
“Esse é o núcleo comum dos cursos, mas podemos incluir outras áreas dependendo da vocação do município”, disse o reitor, que fez questão de elogiar o empenho no prefeito Gil Cutrim no sentido de levar para São José de Ribamar uma unidade do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.
CETECMA
Além de uma unidade do IFMA, a administração Gil Cutrim também já garantiu, junto ao Governo do Estado, a implantação no município de um Centro de Educação Tecnológica (CETECMA).
O Centro de Educação Tecnológica de São José de Ribamar será construído pelo governo Roseana Sarney em um terreno doado pela Prefeitura e que fica localizado no bairro Mutirão (Sede).
A construção do CETECMA ribamarense foi uma reivindicação feita pelo prefeito Gil Cutrim à governadora e ao ex-prefeito e atual secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Luis Fernando Silva. Capacitará os jovens da cidade oferecendo a eles cursos nas áreas de infra-estrutura, produção alimentícia, recursos naturais e produção industrial.
sem comentário »